Inspire-se

Vanessa Cembranel Ensino de Qualidade em Dança do Ventre

A qualidade de uma professora de dança conhece-se pela performance dos seus alunos.

Essa é para mim uma grande verdade, e a outra verdade é que fazia muito tempo que eu não via bailarinas na condição de alunas mostrando um trabalho primoroso no palco, seja em grupo ou em solo.

Fazia tempo, que eu não via bailarinas “alunas” executando performances com maestria, dignificando o trabalho coreográfico de sua professora deixando evidente o reflexo do profissionalismo, destreza e criatividade do mestre que as forma.

Fazia tempo, que eu não via alunas em qualquer nível didático sendo assinaturas primorosas de sua escola, vitrines positivas do trabalho de sua professora enquanto estão se desenvolvendo.

O mais comum nas minhas andanças virtuais e reais de uns tempos para cá, era assistir performances de professoras brilhantes no palco, mas quando se tratava de suas alunas a coisa não passar do mediano tanto no nível iniciante quanto avançado.

É por isso, que hoje eu vou falar sobre a professora Vanessa Cembranel, uma mestre belly dance que por meio de suas alunas despertou não só minha atenção, mas, admiração pela qualidade no ensino da dança do ventre.

Ao conhecer o talento didático de Vanessa Cembranel,  ficou impossível não notar o trabalho de um mestre exemplar que lapida  talentos com excelência .

Aos poucos, fui me encantando cada vez mais com a forma com que ela enxerga suas alunas, como se preocupa incansavelmente como o desenvolvimento de cada uma delas.

Em algumas de nossas conversas sobre a relação aluno e professor, aprendi muita coisa, mesmo eu não sendo professora, além disso, Vanessa deixava sempre transparecer a preocupação constante com a evolução, e com o aprendizado de suas alunas.

Chegou até mencionar uma vez; “meu maior desejo é que minhas alunas prosperem na arte de forma digna e verdadeira…e que elas possam fazer melhor que eu”

Sem contar que sempre que se referia a suas alunas, ou até mesmo me dava uns conselhos sobre minha dança, a Vanessa conseguia recriar uma atmosfera maternal envolta de carinhos e cuidados mesmo estando a milhares de quilômetros de mim.

Uma boa maneira de observar o quanto a essência da Vanessa é verdadeira, é prestando atenção nas coreografias que são  montadas criteriosamente para suas alunas em um trabalho que supera o desafio de nivelar técnicamente os mais diferentes talentos.

Logo, é possível notar o quanto elas dançam sem diferença técnica entre uma e outra no trabalho em grupo e o quanto são notáveis em solo, onde, a personalidade de cada uma aflora em performances bem trabalhadas, limpas e elegantes deixando claro que ela cedeu o melhor de sua criatividade para cada uma delas.

Mas isso, sou eu que estou dizendo segundo minhas percepções,então, o que será que dizem as alunas dela? Veja só:

Monique Vescovi

É nela que me inspiro pela sua dedicação, seriedade, amor e respeito com que se apropria dessa arte que é a dança do ventre. Como professora posso dizer que está sempre proporcionando o que há de melhor para suas alunas, nos ensinando tudo que trás consigo dos seus estudos. Como coreógrafa, nossa… ela é espetacular!!! Não é à toa que suas coreografias sempre são elogiadas e premiadas nos eventos que participa. E como bailarina, LINDA!

 

 

 

Laura Rodrigues

A dança é o movimento em forma de amor,  e  são  poucas as pessoas que possuem a incrível capacidade de multiplicar esse amor e contagiar as pessoas ao seu redor com isso e minha professora Vanessa é uma delas.Ela me instiga a dançar mais, saber mais, a criar mais!  E o mais incrível disso tudo, é a forma como os olhos dela brilham, é  perceptível o seu amor por tudo isso,  e  ela nos alimenta com esse sentimento que motiva a querer dançar  mais e procurar superar nossos limites.

 

 

Paola Abreu

Uma professora e pessoa que nunca mediu esforços para ajudar suas alunas, muito exigente, com ela não aprendemos só a dançar, mas nos tornarmos pessoas melhores, e bailarinas comprometidas e responsáveis. Eu tenho admiração e gratidão enorme pela professora Vanessa, pela força e coragem que sempre recebi dela, pois ela fez com que eu me apaixonasse por essa dança, que para mim é maravilhosa!

 

 

Então, eu não podia deixar de expressar minha admiração a essa profissional de primeira e quando alguém me pedir um exemplo de excelência no ensino da Dança do Ventre certamente eu vou lembrar da Vanessa Cembranel e com certeza suas alunas também já que nas veias de sua arte corre a contribuição valorosa dessa professora espetacular.

Inclusive o trabalho de Vanessa Cembranel já ultrapassou fronteiras geográficas, recentemente ela foi duas vezes ao Japão uma para representar a arte Bellydance na I-FIT (International Convention Dance and Gym) na cidade de Kobe, evento que contou com a presença de autoridades e solenidades asiáticas.

Na segunda, para ministrar aulas com ensinos de técnicas para dança do ventre onde mais uma vez seu poder didático entrou em cena vencendo os desafios de ensinar com maestria a arte da dança do ventre para alunas com costumes, maneiras de se mover e idiomas diferentes.

E adivinha só! Ela arrasou!!!

Vanessa é a prova que ensinar dança do ventre com o coração repleto de amor é o segredo de um bom professor, é o que separa o joio do trigo, é o que  o torna verdadeiramente mestre.