Moda e beleza

Os tipos de véu usados pelas mulheres Árabes

Nessa postagem de publicação original da revista Superinteressante veremos quais são e como são usados os véus que cobrem os rostos e os cabelos das mulheres no Oriente médio.

Mulçumanas usam vários tipos de véu, ou nenhum. Cada veste tem origens e significados diferentes, carregados de tradição.

Se hoje a burca é associada a regimes opressores, no passado ela era símbolo de status. Já na Turquia, em 2013, funcionárias públicas conquistaram o direito de usar véu no trabalho, algo proibido desde 1925. As vestes também são orgulho e moda. Entender os véus revela muito sobre as mulheres que eles cobrem.

Clique nas imagens para ampliar.

Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome_6 Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome_5 Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome_4 Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome_3 Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome_2 Por trás do véu - Superinteressante - Google Chrome

Fonte: Revista Superinteressante

EDIÇÃO Felipe van Deursen| DESIGN Inara Negrão | REPORTAGEM Giselle Hirata | FOTO Dulla PRODUÇÃO Carol Cubarenco | ADAPTAÇÃO DIGITAL Laura Rittmeister e Otavio Cohen

  • Layla

    Li essa reportagem quando saiu na revista. É bem interessante, só as informações sobre o Líbano q eu achei um pouco desencontradas.
    Quando eu estive lá, no dia em q cheguei fiquei meio preocuoada de sair de shorts como eu saio aqui no Brasil, mas ai vi mulheres em baladas e bares com roupas até mais “ousadas” (e isso inclui decotes e saias… E os dois ao mesmo tempo rsrs) do q as q usamos e relaxei hauahua. As libanesas são bem “peruas”, as vezes me sentia muito desarrumada perto delas, pq como eu estava em uma excursão, normalmente, optava por sair com roupas mais confortáveis do q bonitas rsrs. Acho q o único local q exigia roupas mais cobertas eram as igrejas (e as mesquitas é claro, mas no caso só visitei uma). Como fui no verão, normalmente, eu optava por sair de calça nos dias de visitas a igrejas e levava um lenço na bolsa para colocar nos ombros. Mas na rua, na praia, nas festas, etc, era o mesmo estilo de roupa q se usa aqui no ocidente.
    E, até onde eu sabia, quase a metade da população libanesa é cristã, inclusive, recentemente vi um mapa das religiões no mundo e o Líbano era o único país do oriente médio marcado com a cor q representava o cristianismo.
    Mas fora isso a achei a matéria legal. Eu acho bonito o conceito do pq usar o hijab, só não sei se eu me acostumaria rsrs.

    • Nossa Layla que interessante! obrigada por compartilhar suas vivências aqui assim a gente vai aprendendo mais.Beijos